Arquivo do mês: janeiro 2010

Mensagens de Motivação – Um segredo para a vitoria

Após uma longa férias de quase 15 dias, voltamos para atualizar nosso espaço, e agora com um material sobre motivação. Já falamos muito sobre a motivação e sua importância para o sucesso pessoal, e para realçar um pouco mais este assunto tão importante, elaboramos um e-book com as melhores histórias de motivação que encontramos.

========================

Consideração

Durante  meu  primeiro  ano  da  faculdade,  nosso  professor  nos  deu  um questionário.  Eu  era  bom  aluno  e  respondi  rápido  todas  as  questões  até  chegar  a última:

“Qual o primeiro nome da mulher que faz a limpeza da escola?”.

Sinceramente,  isso  parecia  uma  piada.  Eu  já  tinha  visto  a  tal mulher  várias vezes.  Ela  era  alta,  cabelo  escuro,  lá  pelos  seus  50  anos, mas  como  eu  ia  saber  o primeiro nome dela? Eu entreguei meu teste deixando essa questão em branco e um pouco antes da aula  terminar, um aluno perguntou se a última pergunta do  teste  ia contar na nota.

“É  claro!”,  respondeu o professor.  “Na  sua  carreira,  você encontrará muitas pessoas. Todas  têm seu grau de  importância. Elas merecem sua atenção mesmo que seja com um simples sorriso ou um simples ’alo”’.

Eu nunca mais esqueci essa lição e também acabei aprendendo que o primeiro nome dela era Dorothy.

==========================

Esta e muitas outras historias podem ser encotradas neste fantástico e-book, gratuíto, pronto para download.

Motive-se você também conhecendo mais destes contos.

Download do E-book ====> Motivação

Espero que todos gostem destas histórias, e sucesso sempre.

Anúncios

Evite Atropelamentos em sua vida

Você se considera uma pessoa tranqüila, ou sente-se ansiosa com freqüência?

É digno de observação a maneira como as pessoas, de modo geral, se conduzem nas lidas cotidianas, nos diferentes compromissos e atividades que tenham que atender.

Tudo parece estar assinalado por temível fator de ansiedade, desde que bem poucas, pouquíssimas mesmo, são as almas que não se deixam minar pela ansiedade.

Essa ansiedade imprime em alguns tal destrambelhamento nervoso que o indivíduo se põe estático; tenso e preocupado com o que tem a sua frente para fazer, para esperar, para encarar.

Embora a tensão, não consegue tomar decisões; não consegue fazer nada. Como se se encontrasse em estado de choque.

Outras pessoas, quando visitadas pela ansiedade ficam superexcitadas, disparam numa tormenta mental, numa confusão de pensamentos e sentimentos que surgem na mente quase que a um só tempo.

Essa ansiedade é responsável, na maioria das vezes, pela agitação ou excessiva pressa em que se ajustam.

No dia-a-dia terreno, principalmente nos grandes centros urbanos, as pessoas correm daqui para ali, de um para outro lado, em tal nível de tensão do sistema nervoso que dão a impressão de que vão explodir ou implodir, de conformidade com o nível da ansiedade gerada.

Encontramos a excitação e correria naqueles que dirigem veículos nas ruas; nos que esperam nas filas; nas atividades e tarefas domésticas; nos que caminham pelas vias públicas; nos que têm o dever de administrar ou de controlar em várias situações da vida.

Se você se considera uma pessoa ansiosa e deseja deixar de ser, é preciso fazer pequenos esforços diariamente.

Evite, assim, atropelar-se nas rotas do mundo, habituando-se aos exercícios mentais de harmonização íntima por meio da oração, da meditação séria, da reflexão útil.

É de grande utilidade o esforço para a autodisciplina, a fim de que se alcance o nível desejado de integração com as leis de Deus.

Dessa maneira, aprenda a sair mais cedo para o trabalho, para os deveres sérios, evitando os excessos de adrenalina que impõem correr aqui, ali, em tudo e para tudo.

Busque alimentar-se alimentando-se, estudar estudando com atenção, dirigir veículos automotores ou não, quaisquer que sejam, com a necessária tranqüilidade e calma.

Evite a tortura de querer fazer tudo ao mesmo tempo, aprendendo a fazer cada coisa por sua vez, desenvolvendo-se para melhor contribuir com o progresso geral.

Evite criar o costume de atrasar-se em tudo, porque você aprenderá a justificar todas as vezes, fazendo do seu atraso marca de sua personalidade.

Os atropelos humanos procedem, quase sempre, de mais ou menos grave estado de desorganização interior a refletir-se em tudo quanto o desorganizado faz.

O trabalho de reorganização íntima, a ser iniciado pelos pensamentos, é algo trabalhoso e demorado, e ninguém precisará criar novos procedimentos ansiosos para ter acesso a tal estado.

As ações atropeladas são características de pessoas imprudentes, agitadas, desastradas, indisciplinadas sempre.

O tempo que você aprende a homenagear, utilizando-o com dignidade, respeitosamente, é o mesmo que deporá a seu favor perante a consciência superior da vida, mostrando o quanto você cresceu, o quanto avançou e amadureceu, sem causar prejuízos a nada e a ninguém.

Pense nisso!

Fonte: (Cap. 17 do livro “Para uso diário”, ed. Fráter Livros Espíritas)

Sucesso Sempre…

O que são Ritos – O Pequeno Principe nos Ensina…

Recordando o artigo anterior, lembro-me de ter citado a importância de determinar uma hora para praticar seus novos hábitos, e então me recordei de uma passagem no livro do pequeno príncipe, quando ele encontra a raposa, que explica muito bem este processo e a sua importância. O texto completo é um pouco longo, por isso decidi apenas colocar o trecho citado, com um link para o blog Inatitude, onde você poderá encontrar a história do pequeno príncipe por completo.

Vamos ao trecho:

=====================================================

“… – Por favor… cativa-me! disse ela.

– Bem quisera, disse o principezinho, mas eu não tenho muito tempo. Tenho amigos a descobrir e muitas coisas a conhecer.
– A gente só conhece bem as coisas que cativou, disse a raposa. Os homens não têm mais tempo de conhecer alguma coisa. Compram tudo prontinho nas lojas. Mas como não existem lojas de amigos, os homens não têm mais amigos. Se tu queres um amigo, cativa-me!
– Que é preciso fazer? perguntou o principezinho.
– É preciso ser paciente, respondeu a raposa. Tu te sentarás primeiro um pouco longe de mim, assim, na relva. Eu te olharei com o canto do olho e tu não dirás nada. A linguagem é uma fonte de mal-entendidos. Mas, cada dia, te sentarás mais perto…

No dia seguinte o principezinho voltou.

– Teria sido melhor voltares à mesma hora, disse a raposa. Se tu vens, por exemplo, às quatro da tarde, desde as três eu começarei a ser feliz. Quanto mais a hora for chegando, mais eu me sentirei feliz. Às quatro horas, então, estarei inquieta e agitada: descobrirei o preço da felicidade! Mas se tu vens a qualquer momento, nunca saberei a hora de preparar o coração… É preciso ritos.
– Que é um rito? perguntou o principezinho.
– É uma coisa muito esquecida também, disse a raposa. É o que faz com que um dia seja diferente dos outros dias; uma hora, das outras horas. Os meus caçadores, por exemplo, possuem um rito. Dançam na quinta-feira com as moças da aldeia. A quinta-feira então é o dia maravilhoso! Vou passear até a vinha. Se os caçadores dançassem qualquer dia, os dias seriam todos iguais, e eu não teria férias!

Assim o principezinho cativou a raposa…”

=====================================================

Espero que tenham gostado, e que possa ter esclarecido um pouco mais sobre o processo dos seis passos.

Abraços e Sucesso A todos…

Promessas de Ano Novo – E agora? O que fazer?

Voltando novamente a este assunto, muito comum nas passagens de ano, vou descrever um conhecido método para a realização das promessas de Fim de Ano.

Já falamos em artigos anteriores sobre estas promessas, e sempre que um ano termina, e outro se inicia, fazemos nossas reflexões interiores, e decidimos, para nós mesmos, realizar grandes mudanças no novo ano que se inicia. mas nem sempre isso ocorre realmente, e as promessas se perdem antes mesmo da chegada do Carnaval.

A maior dificuldade enfrentada em realizar nossas promessas de fim de ano, e nossa própria falta de motivação e entusiasmo, aliada a rotina do dia a dia, que volta em pouco tempo, após os dias festivos.

Para que isso não aconteça, precisamos antes de tudo, focar nossa atenção em mudanças especificas, e não dispersar nossa energia em dezenas de mudanças aleatórias. Precisamos também, ao focar nossa mudança, criar um novo hábito em nossa vida. Muitas pessoas querem que tudo aconteça de uma hora para outra, mas não é assim que funciona. Se queremos eliminar um hábito ruim, devemos substituir por um hábito novo e mais saudável. Para isso, existe um método muito eficaz para criarmos novos hábitos saudáveis em nossa vida, auxiliando assim o processo de mudança que nos propomos ao final de cada ano.

Método dos Seis Passos

Este método, como seu próprio nome já indica, consiste em 6 passos, para que você consiga realizar 6 grandes mudanças no período de 1 ano.

Antes de mais nada, você precisa escolher 6 hábitos, vícios ou coisas que deseja mudar neste próximo ano. Coloque estes seis elementos em uma ordem de importância, do mais importante para o menos importante. Não se preocupe com a dificuldade, mas tenha em mente esta lista deverá ser mantida até o final do programa.

Com a lista pronta, vamos iniciar o processo:

  1. Peque o primeiro item da sua lista, será a primeira mudança que iremos realizar em nossa vida.
  2. Assuma publicamente esta sua decisão. Avise seus amigos e familiares que tem um prazo de 2 meses para mudar este hábito, ou realizar esta mudança em sua rotina. – Neste caso, é importante contarmos com a ajuda da “publicidade” para que tenhamos coragem de continuar com o processo até o final. Se mantivermos a decisão somente para nós, é muito fácil de desistir antes de conseguirmos.
  3. Detalhar a sua nova rotina em 8 passos, sendo do mais fácil para o mais difícil. Cada um desses passos deverá ser feito por uma semana. Vamos tomar como exemplo, que você deseje adquirir um novo hábito em sua vida, de ler mais livros. os oito passos poderiam ser definidos da seguinte forma:
      • 1° Semana: Escolher um livro para a leitura, escolher um local onde possa se concentrar e reservar 15 minutos por dia para se dedicar a leitura deste livro. Procure sempre estabelecer um horário para seu novo hábito.
      • 2ª até 8ª Semana: Aumentar o tempo de leitura em 5 minutos a cada nova semana. Desta forma, quando chegar na 8ª semana, você estará lendo por cerca de 50 minutos por dia, o que é um tempo adequado de leitura.
  4. Defina um “Gatilho” para executar sua nova rotina. Este gatilho deve ser algo com o que você já esteja acostumado a fazer, como por exemplo, após assistir ao jornal quando chega do trabalho, após o banho, antes de dormir, entre muitas outras opções.
  5. De o seu primeiro passo, durante uma semana, sempre após o gatilho determinado no passo anterior. Comente sobre o seu progresso junto aos seus amigos e familiares, o apoio deles será de grande ajuda nesta etapa do processo.
  6. Semana após semana, vá progredindo para passos mais difíceis. Mesmo que sinta a vontade de avançar mais depressa, não o faça. Lembre-se que você esta criando uma nova rotina em sua vida.. Repita esta tarefa até chegar às 8 semanas.

Após estes dois meses, seu novo hábito já esta incorporado a sua rotina, e desta forma, você pode passar para o segundo item de sua lista, e realizar as mudanças que determinou para si mesmo no inicio do ano.

Que tal começarmos hoje mesmo a realizar nossas promessas de fim de ano? Um passo de cada vez? Tenha plena certeza que você pode realizar qualquer desejo seu, e que basta dar o primeiro passo, e acreditar que pode chegar ao final.

Aproveite nosso blog para deixar seus comentários, sugestões, criticas e experiências a respeito deste processo.

Sucesso para Todos…

Video Motivacional – Primeira Segunda de 2010

Começando o ano com uma bela mensagem, e com um belo video. Uma das premissas do Coach é o não julgamento.  Este video retrata bem isso. Vale a pena assistir…

Você pode mudar sua vida hoje mesmo…

Entre em contato com nossa equipe e agende um horário para realizar a sua primeira sessão de Coaching. A primeira sessão é gratuita, e nela, você pode tirar todas as suas duvidas, e principalmente, descobrir de que maneira pode mudar de vida este ano.

Não perca mais tempo, entre em contato hoje mesmo.

Abraços e Sucesso a Todos…

Mudanças no visual do Life Coaching…

Estamos dando uma reformulada em nosso blog, para acompanhar o Ano Novo, e já temos algumas melhorias implantadas.

Selo de Pergunte ao Coach: Agora, ficou muito mais fácil você tirar as suas dúvidas a respeito dos assuntos tratados em nosso blog. Basta clicar no Selo ao lado, na barra lateral, que você irá diretamente para nosso canal de comunicação. Ficou muito mais fácil comentar em nossos artigos. Não perca tempo, faça sua pergunta hoje mesmo ao Coach, que estaremos sempre prontos para responder.

Classificação e Avaliação das Postagens: Agora também você pode avaliar nossos artigos através de estrelas. Desta forma, ficou muito mais fácil localizar um artigo que tenha tido bastante influencia, com um maior número de visitação e aceitação dos leitores.

Mudança nos Layouts de Banners de Divulgação: Os banners de divulgação de nossos serviços estão mais simples e agradáveis de se ver. Saiba mais sobre o Coaching com as informações destes banners, e aproveite para entrar em contato conosco.

Retrospectiva do Blog Life Coaching – 2009

Vamos aproveitar o dia de hoje, e fazer uma pequena retrospectiva do blog Life Coaching, com a apresentação dos artigos mais visitados, os mais interessantes e as questões levantadas pelos nossos visitantes.

O Blog Life Coaching teve sua primeira postagem no dia 24/06/2009, com sua postagem de apresentação, que pode ser vista aqui. A idéia inicial do blog, era de falar um pouco sobre o Coaching, uma profissão não muito conhecida, e tirar duvidas sobre este assunto junto aos visitantes. Ainda no dia 24/06, aproveitei o espaço para colocar um dos videos que mais expressam o “aproveitar a vida” que o Coaching proporciona, que pode ser visto aqui.

O mês de Junho também foi expressivo, quando começamos a utilizar este espaço para divulgar as diversas ferramentas que o Coaching utiliza para aprimorar a qualidade de vida das pessoas envolvidas no processo, e como primeira ferramenta utilizada, mostramos a Roda da Vida, que pode ser vista aqui. Ainda na linha de ferramentas, falamos sobre o Swot Pessoal e Empresarial, falamos também sobre Planejamento Estratégico, Feedback e a importância de três elementos em nossa vida, a Missão, Os Valores e a Visão de Futuro.

Em Julho, que foi um dos meses mais produtivos até o momento, com um total de 48 artigos, abrimos espaço para que os visitantes pudessem tirar suas dúvidas diretamente pelo blog. Respondendo a perguntas e auxiliando no processo de entendimento do Coaching, tivemos um mês de grandes artigos, como a construção em duas etapas de uma análise Swot, que pode ser observada aqui (parte 1) e aqui (parte 2). Neste mês também abrimos muitas novas discussões, como Zona de Conforto e Principio de Pareto (80/20).

Agosto foi um mês com poucos artigos, mas de conteúdo muito proveitoso. Podemos citar por exemplo as 15 dicas de mudança de vida, ou também a série sobre a Administração do Tempo, com três artigos de grande facilidade de entendimento.

Setembro também foi um mês de poucas palavras, mas de um peso muito grande em nossa história. Neste mês, tivemos a estreia da categoria de Textos Filosóficos, com o artigo inicial sobre a Cultura e Natureza Humana.

Outubro foi o menor de nosso meses, final de semestre na faculdade colaborou um pouco para a ausência, mas nem por isso deixamos de publicar artigos interessantes, como uma singela homenagem a todos os professores e instrutores, em seu dia especial.

Em Novembro, começamos a reagir nas postagens, mas também não ficou muito longe do mes anterior. Mas mesmo com poucos textos, tivemos otimos textos, como o artigo sobre Coaching e Educação, ou as tirinhas de Dilbert, Mafalda e Calvin, que alegraram nossos dias mais inexpressivos.

E chegamos a Dezembro, um mês em que tentamos novamente recuperar o fôlego, após a maratona de provas, trabalhos e compromissos dos meses anteriores. em Dezembro chegamos perto de nossa maior marca de postagem, mantendo uma média de 1 1/5 postagem por dia. Podemos destacar neste mês os artigos sobre a Maçonaria, que pode ser visto aqui, como também as mensagens de Natal e Ano Novo, que iluminaram este blog com palavras e poesias. Não podemos deixar de lado a série especial sobre o Coaching, trazendo as mais diversas explicações a respeito desta fantástica ferramenta de transformação. Finalizando esta retrospectiva, cito também os artigos sobre criação de objetivos para este ano que se inicia, com dicas e um excelente passo a passo, para que você também possa especificar seus objetivos, e criar os caminhos necessários para chegar a suas metas.

Espero que tenham gostado destas recordações do ano de 2009, e que 2010 seja repleto de novas inspirações, dúvidas, criticas e sugestões.

Agradeço a todos que nos visitaram este ano passado, e que voltem sempre, trazendo novas informações e novas luzes para nossa apreciação.

Abraços e Sucesso Sempre.

Como Fazer – Desafiando sua Zona de Conforto

Começo de Ano, já estamos em 2010, e o tempo não para. Uma pessoa que deseja alcançar o seu sucesso pessoal e profissional sabe muito bem disso. Então, para começarmos o ano com uma carga nova de energia, e realizar nossas mudanças, vamos juntos iniciar uma série de exercícios para aprimorar nossa percepção, e desafiar a tão famigerada indesejada “zona de conforto”

Já falamos aqui sobre a zona de conforto, como pode ser visto neste artigo, e agora, vamos aprender algumas técnicas que desafiam o nosso conforto. Todas as segundas feiras, estarei colocando aqui no blog, um novo exercício para desafiar a nossa zona de conforto. Serão sempre exercícios simples, que qualquer pessoa com um pouco mais de empenho pessoal pode realizar sem a menor dificuldade, pois não necessita de nenhum aparato externo, apenas a sua própria vontade em mudar a sua forma de viver, aproveitando melhor os momentos, e fazendo a diferença entre as pessoas a sua volta.

No começo, os exercícios podem parecer tolos e sem sentido, mas se você deseja realmente encontrar um novo rumo para seguir em sua vida, aconselho que leve a serio, por mais insignificante que possa parecer.

Este primeiro exercício, é um dos que você pode achar irrelevante, ou insignificante, mas é uma poderosa ferramenta de negociação, inspiração e domínio de ambiente. A duração deste exercício deve ser de no mínimo 2 dias:

Encarando as Pessoas nos Olhos (2 dias)

Pelos próximos dois dias, pratique olhar nos olhos das pessoas, sejam elas pessoas próximas a você, de seu convívio pessoal e social, ou até mesmo de pessoas estranhas a você. Não se preocupe em piscar, é algo natural, mas se preocupe sempre em focar os olhos de quem esta interagindo com você. Este exercício se torna extremamente difícil, quando estamos interagindo com alguém, como por exemplo em uma conversa, pois tendemos a olhar para a boca de nosso interlocutor quando ele fala, e olhar para todos os lados quando nós falamos. Isso mostra um despreparo de nossa conversa, e faz com que passemos por despercebidos na maioria das vezes.

Quando, em uma conversa, focalizamos o olhar de nosso interlocutor, é como se marcássemos nossa presença ali, naquele momento, desta forma, impondo nossas opiniões para que sejam aceitas e analisadas (veja aqui uma matéria sobre este assunto no estadão.com).

A seguir, algumas dicas para praticar este primeiro exercício:

  1. Focalize um dos olhos do interlocutor e não deixe de piscar, para não passar por um psicopata insano;
  2. Durante uma conversa, mantenha sempre o contato “olho no olho” quando você fala e quando você escuta. É uma tarefa bem dificil, mas com o tempo você se acostuma e começa a agir naturalmente;
  3. Pratique sempre com pessoas maiores ou mais confiantes que você. (Seu chefe, Sócios, Investidores, Gerentes de seu Banco, Pais, etc…)
  4. Se você fizer isso na rua, com pessoas desconhecidas, pode acabar passando por situações constrangedoras, como por exemplo um desconhecido lhe interrogar do porque olha tanto. Para estas situações, use sempre o bom senso, de um sorriso e diga: “– Desculpe-me, achei que você fosse um velho amigo meu.” Despesa-se e vá embora.

Com estas dicas, fica mais fácil você começar a desafiar a sua zona de conforto. Agora só falta mesmo começar a praticar. O que você esta esperando???

Espero que este artigo tenha sido de agrado de todos, e até segunda feira que vem, com um novo artigo sobre como desafiar sua zona de conforto. Qualquer dúvida, comentário, critica ou sugestão, estejam sempre a vontade para utilizar nosso espaço de comentários, ou envie um e-mail para douglas.coach@gmail.com.

Abraços e Sucesso Sempre…