Modelo 14 – Trabalhando com Âncoras


Coach Douglas Ferreira

Antes de iniciar este modelo, peço desculpas pelo desenho sem legendas, mas foi a unica cópia que encontrei no youtube com a cena desejada para este artigo. Escolhi este desenho em especial, pois ele representa exatamente o que o uso de uma âncora pode fazer para nos auxiliar nas mudanças de comportamento e controle de nossos estados emocionais positivos.

A Âncora, nada mais é do que um elemento que podemos utilizar para resgatar sentimentos positivos, e que podem nos ajudar a prosseguir em momentos de dificuldades quando buscamos atingir um determinado objetivo.

Este exercício deve ser feito em um momento em que você esteja tranqüilo e confortável, sem interrupções, e que possa dedicar algum tempo para você mesmo, de forma a se tornar eficaz dentro do esperado.

Passo a Passo – Controlando Estados Emocionais

Passo 1 – Estado Emocional Desejado:

Determine um estado emocional que você deseja fortalecer. Pode ser confiança ao se dirigir em público, Determinação na busca de um objetivo, Motivação para executar determinada tarefa. O importante é que você determine o estado emocional que deseja nos momentos que você encontra alguma dificuldade.

Passo 2 – Determine uma Âncora:

Âncora pode ser qualquer estimulo que possa ser repetido e realizado sem muitas dificuldades. Pode ser o fechar de um punho, um sorriso mais expressivo, um estalar de dedos. O importante é que este estimulo possa ser repetido e não precise de nenhum objeto, apenas a imposição de seu corpo.

Passo 3 – Buscando Inspiração:

Recorde de um momento em sua vida, que você tenha sentido o mesmo sentimento que deseja agora, mas que tenha sido intenso e único, que tenha marcado você de uma forma como nenhum outro marcou. Se esta buscando alegria, pode se lembrar de seu baile de formatura, ou outro evento que a tenha deixado em êxtase de alegria. Se esta buscando conquistas, sentimentos de vitória, você pode pensar em um momento que tenha lhe dado uma grande vitoria, uma grande conquista. Ou seja, escolha aquele momento que reflete exatamente o sentimento que você deseja resgatar, para as situações que esta vivendo atualmente.

Quando se recordar deste momento, em um lugar bem confortável, relembre cada momento, responda para si mesmo as seguintes questões. Se preferir, você pode escrever as respostas em uma folha de papel, o que vai lhe ajudar a manter os detalhes:

  1. O que você estava vendo neste momento?
  2. O que você estava ouvindo?
  3. O que você estava sentindo?

Quanto mais descritivo você conseguir formar este momento em sua mente, mais fácil será o processo de resgate do mesmo.

Passo 4 – Associação:

Após ter este momento gravado nitidamente, quando sentir que esta no ápice do sentimento, realize o estimulo determinado no passo 2. Exemplo: No seu baile de formatura você esta no ápice de sua felicidade, dançando a valsa, ou recebendo o seu diploma. Este pode ser considerado o momento mais feliz que você já teve, e então, neste momento, você cerra o punho da mão direita.
Mantenha este estimulo por pelo menos 15 segundos, mantendo dentro de si o sentimento resgatado.

Passo 5 – Interrupção:

Após terminar este primeiro treino, levante-se, estique um pouco o corpo, de uma relaxada, permaneça alguns minutos apenas relaxando.

Passo 6 – Testando seu Estimulo:

Após descansar um pouco, repita o estimulo (fechar dos punhos) e descreva qual o resultado. A intenção deste teste é verificar se o estimulo começa a fazer efeito. Descreva o que você sente quando executa o estimulo.

Passo 7 – Repetição:

Repita os passos 3, 4, 5 e 6 por pelo menos mais 3 vezes.

Passo 8 – Visualização Guiada:

Determine quando você irá precisar utilizar este estimulo em busca de seu objetivo. Planeje antecipadamente, e pratique o mesmo pelo menos uma vez por dia, até você ter controle total sobre seu sentimento. Faça testes ocasionais durante o seu dia a dia, em locais e situações diferentes.

Este exercício trabalha mais com nosso interior, neste caso, é importante que você defina exatamente como se sentiu ao realizá-lo, pois devido a sua forma mais lúdica de atuação, o feedback pode se tornar um pouco mais complicado. Quanto mais detalhes você me transmitir, será melhor para que façamos uma análise posterior.

Faça o Download do Arquivo em PDF

Espero que tenham gostado deste modelo, e caso tenham alguma dúvida, entrem em contato com nossa equipe.

Seus comentários podem nos ajudar a melhorar e oferecer um conteúdo mais direcionado. Ajude-nos a fazer deste espaço, um local onde as suas dúvidas podem encontrar uma solução.

Anúncios

13 Respostas para “Modelo 14 – Trabalhando com Âncoras

  1. Thank you very much for that glorious article

    • Thank you for your visit on my blog Kran Balka. I hope that has not had difficulties with the translation of the article, and your return is soon. I’m very proud that I am offering good content. Hugs and Success Always

      ======================================
      Comentário: Muito Obrigado por este artigo glorioso.
      Resposta: Muito Obrigado pela sua visita em meu Blog Kran Balka. Espero que não tenha tido dificuldades com a tradução do artigo, e que seu retorno seja breve. Tenho muita satisfação em saber que estou oferecendo um bom conteúdo. Abraços e Sucesso Sempre

  2. I think this was a very interesting post thanks for writing it!

  3. Great article . Will definitely copy it to my site.Thanks.

  4. Thank you very much for that great article

  5. Técnica interessantíssima!

    • Olá Amiga Alessandra,

      Muito obrigado pelo seu contato, e por fazer parte de nosso blog desta forma, estamos lhe enviando nosso material a respeito de timidez. Espero que goste deste presente. Ademais, muito Sucesso e Muito obrigado por sua visita. Volte sempre.

      Abraços e Sucesso

  6. Douglas
    Belíssimo trabalho. Material muito rico para quem trabalha com coaching.
    Segue o link do vídeo ( Crows Clip) dublado
    ( Trabalhando com Âncoras)

    Abs
    Lucy Deccache

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s