Arquivo da tag: conto

A Força do Exemplo…

As sandálias do discípulo fizeram um barulho especial nos degraus da escada de pedra que levavam aos porões do velho convento. Era naquele local que vivia um homem muito sábio. O jovem empurrou a pesada porta de madeira, entrou e demorou um pouco para acostumar os olhos com a pouca luminosidade.

Finalmente, ele localizou o ancião sentado atrás de uma enorme escrivaninha, tendo um capuz a lhe cobrir parte do rosto. De forma estranha, apesar do escuro, ele fazia anotações num grande livro, tão velho quanto ele.

O discípulo se aproximou com respeito e perguntou, ansioso pela resposta:

– Mestre, qual o sentido da vida?

O idoso monge permaneceu em silêncio. Apenas apontou um pedaço de pano, um trapo grosseiro no chão junto à parede. Depois apontou seu indicador magro para o alto, para o vidro da janela, cheio de poeira e teias de aranha.

Mais do que depressa, o discípulo pegou o pano, subiu em algumas prateleiras de uma pesada estante forrada de livros. Conseguiu alcançar a vidraça, começou a esfregá-la com força, retirando a sujeira que impedia a transparência.

O sol inundou o aposento e iluminou com sua luz estranhos objetos, instrumentos raros, dezenas de papiros e pergaminhos com misteriosas anotações.

Cheio de alegria, o jovem declarou:

– Entendi, mestre. Devemos nos livrar de tudo aquilo que não permita o nosso aprendizado. Buscar retirar o pó dos preconceitos e as teias das opiniões que impedem que a luz do conhecimento nos atinja. Só então poderemos enxergar as coisas com mais nitidez. Fez uma reverência e saiu do aposento, a fim de comunicar aos seus amigos o que aprendera.

O velho monge, de rosto enrugado e ainda encoberto pelo largo capuz, sentiu os raios quentes do sol a invadir o quarto com uma claridade a que se desacostumara. Viu o discípulo se afastando, sorriu levemente e falou:

– Mais importante do que aquilo que alguém mostra é o que o outro enxerga. Afinal, eu só queria que ele colocasse o pano no lugar de onde caiu.

Pense em como aquilo que você faz todos os dias, está influenciando os outros. Por isso, aja sempre no bem. Faça as coisas corretas, começando pelas pequenas coisas como, por exemplo, manter limpa a cidade. Seja você aquele que não joga papel no chão. Coloque-o no bolso, na bolsa, num lugarzinho no chão do carro. Quando passar por uma lixeira, deposite-o ali.

Seja você aquele que respeita os sinais de trânsito. Não estacione seu carro sobre a calçada. Não estacione em fila dupla. Respeite as filas de ônibus, do banco, do supermercado, em qualquer lugar. Espere a sua vez sem reclamar nem xingar. Preserve a paz. Não arranque flores dos jardins públicos, mesmo que seja para plantar em sua casa, em seu jardim. Preserve o que é de todos.

Enfim, dê o bom exemplo em tudo. Ao seu lado, sempre haverá uma criança, um jovem, um adulto, alguém enfim que se achará no direito de fazer o que você faz, principalmente se você for alguém que ele respeita, como o pai, a mãe, o professor, o melhor amigo, o político conhecido na cidade. E lembra-se: mais importante do que aquilo que alguém mostra é o que o outro enxerga.

Texto cedido e divulgado no Grupo de Coach: Coaches em construção

A Rifa do Burro – Contos Motivacionais

Para deixar o dia com uma pitada de humor:

Certa vez um menino foi ao campo e, por 100 reais, comprou o burro de um velho camponês. O homem combinou entregar-lhes o animal no dia seguinte. Mas quando ele voltou para levar o burro, o camponês lhes disse:

– Sinto muito, amigo, mas tenho uma má notícia. O burro morreu.
– Então devolva-me o dinheiro!
– Não posso, já o gastei todo.
– Então, de qualquer forma, quero o burro.
– E para que o quer? O que vai fazer com ele?
– Vou rifá-lo.
– Está louco? Como vai rifar um burro morto?
– Obvio, não vou dizer a ninguém que ele está morto.

Um mês depois, o camponês se encontrou novamente com o garoto e lhe perguntou:

– E então, o que aconteceu com o burro?
– Como lhe disse, o rifei o burro.
– Vendi 500 números a 2 reais cada um e arrecadei 1.000 reais.
– E ninguém se queixou?
– Só o ganhador. Porém lhe devolvemos os 2 reais e ficou tudo resolvido.

Contos Motivacionais – O Eco

Um pequeno garoto e seu pai caminhavam pelas montanhas.
De repente o garoto cai, se machuca e grita :
– Aai !!!
Para sua surpresa escuta a voz se repetir, em algum lugar da montanha :
– Aai !!!
Curioso, pergunta: – Quem é você?
Recebe como resposta: – Quem é você?
Contrariado, grita: – Seu covarde!!!
Escuta como resposta: – Seu covarde!!!
Olha para o pai e pergunta aflito: – O que é isso?
O Pai sorri e fala: – Meu filho, preste atenção!!!
Então o pai grita em direção a montanha: – Eu admiro você!
A voz responde: – Eu admiro você!
De novo o homem grita: – Você é um campeão!
A voz responde: – Você é um campeão!
O garoto fica espantado sem entender nada.
Então o pai explica:
As pessoas chamam isso de ECO, mas na verdade isso é a VIDA.
Ela lhe dá de volta tudo o que você diz ou faz.
Nossa vida é simplesmente o reflexo das nossas ações.
Se você quer mais amor no mundo, crie mais amor no seu coração.
Se você quer mais responsabilidade da sua equipe, desenvolva a sua responsabilidade.
Se você quer mais tolerância das pessoas, seja mais tolerante.
Se você quer mais alegria no mundo, seja mais alegre.
Tanto no plano pessoal quanto no profissional, a vida vai lhe dar de volta o que você deu a ela.
SUA VIDA NÃO É UMA COINCIDÊNCIA;
SUA VIDA É A CONSEQÜÊNCIA DE VOCÊ MESMO!!!

mini_life_screwed_up

Um pequeno garoto e seu pai caminhavam pelas montanhas.

De repente o garoto cai, se machuca e grita :

– Aai !!!

Para sua surpresa escuta a voz se repetir, em algum lugar da montanha :

– Aai !!!

Curioso, pergunta: – Quem é você?

Recebe como resposta: – Quem é você?

Contrariado, grita: – Seu covarde!!!

Escuta como resposta: – Seu covarde!!!

Olha para o pai e pergunta aflito: – O que é isso?

O Pai sorri e fala: – Meu filho, preste atenção!!!

Então o pai grita em direção a montanha: – Eu admiro você!

A voz responde: – Eu admiro você!

De novo o homem grita: – Você é um campeão!

A voz responde: – Você é um campeão!

O garoto fica espantado sem entender nada.

Então o pai explica:

As pessoas chamam isso de ECO, mas na verdade isso é a VIDA.

Ela lhe dá de volta tudo o que você diz ou faz.

Nossa vida é simplesmente o reflexo das nossas ações.

Se você quer mais amor no mundo, crie mais amor no seu coração.

Se você quer mais responsabilidade da sua equipe, desenvolva a sua responsabilidade.

Se você quer mais tolerância das pessoas, seja mais tolerante.

Se você quer mais alegria no mundo, seja mais alegre.

Tanto no plano pessoal quanto no profissional, a vida vai lhe dar de volta o que você deu a ela.

SUA VIDA NÃO É UMA COINCIDÊNCIA;

SUA VIDA É A CONSEQÜÊNCIA DE VOCÊ MESMO!!!

Conto emprestado do site: Casa da Infância

Parábola da Rosa – Contos Motivacionais

Um homem plantou uma rosa e passou a regá-la constantemente.

Antes que ela desabrochasse, ele a examinou e viu o botão que em breve desabrocharia, mas notou espinhos sobre o talo e pensou,

“Como pode uma flor tao bela vir de uma planta rodeada de espinhos tão afiados?”

Entristecido por este pensamento, ele se recusou a regar a rosa e antes mesmo de estar pronta para desabrochar, ela morreu.

Assim é com muitas pessoas.

Dentro de cada alma há uma rosa:

Sao as qualidades dadas por Deus.

Dentro de cada alma temos também os espinhos:

Sao as nossas faltas.

Muitos de nós olhamos para nós mesmos e vemos apenas os espinhos, os defeitos.

Nós nos desesperamos, achando que nada de bom pode vir de nosso interior.

Nos recusamos a regar o bem dentro de nós, e consequentemente, isso morre.

Nunca percebemos o nosso potencial.

Algumas pessoas nao vêem a rosa dentro delas mesmas.

Portanto alguém mais deve mostrar a elas.

Um dos maiores dons que uma pessoa pode possuir ou compartilhar é ser capaz de passar pelos espinhos e encontrar a rosa dentro de outras pessoas.

Esta é a característica do amor.

Olhar uma pessoa e conhecer suas verdadeiras faltas.

Aceitar aquela pessoa em sua vida, enquanto reconhece a beleza em sua alma e ajudá-la a perceber que ela pode superar suas aparentes imperfeições.

Se nós mostrarmos a essas pessoas a rosa, elas superarão seus próprios espinhos.

Só assim elas poderão desabrochar muitas e muitas vezes.

Portanto Sorriam e descubram as rosas que existe dentro de cada um de vocês e das pessoas que amam…

Autor desconhecido

coaching2