Arquivo da tag: questionamento

Perguntas Poderosas!

Uma vez que somos claros quanto ao que queremos criar, nós podemos projetar medidas de ação que nos permitam alcançar os nossos desejos. Através de questionamentos, podemos nos ajudar a articular exatamente o que queremos? Assim você pode sair e pegar!

A definição da palavra “causa” é uma expressão de inquérito, que convida ou solicita uma resposta. Tente alguma das perguntas abaixo para descobrir sua exploração pessoal e obter respostas que criam uma ação significativa em sua vida.

  1. Se soubesse que não falharia, e que tempo e dinheiro não fossem um problema, diga três coisas que você mais gostaria de ter, realizar, ou trabalhar no sentido de ter satisfação em sua vida?
  2. Qual mudança em sua vida faria a maior diferença positiva?
  3. O que você realmente quer?
  4. Como sua vida será diferente quando você conseguir isso?
  5. Como você saberá que tem isso?
  6. O que motiva você?
  7. O que desmotiva você
  8. O que te mantém acordado à noite?
  9. Quais são algumas das oportunidades profissionais ou de trabalho que atualmente você não está aproveitando?
  10. Quais são as três coisas que você gostava de fazer quando criança? Isso é parte de sua vida hoje? Se não, porquê?

Estas questões podem ser usados como um trampolim para o desenvolvimento pessoal e profissional. Eles não são destinadas a ser inclusivo ou onisciente. Mas, antes que se possa criar um plano de ação, é preciso ter a consciência do quanto que é importante para você e o que você deseja criar.

Uma vez que você teve uma chance de responder a estas perguntas, pergunte-se: Você notou qualquer diferença no seu modo de pensar? Você sentiu alguma resistência para responder a qualquer das perguntas acima? Quais mudanças você está disposto a fazer com base no que você aprendeu, respondendo a estas perguntas?

Coaching, Consultoria ou Psicoterapia?

Coaching de Consultoria? e de Psicoterapia?
Uma das ferramentas no Coaching é a distinção. Distinguir semelhanças e diferenças clarifica propósitos e resultados.
Como estamos falando de prática, iremos considerar o seguinte exemplo: se o cliente quisesse começar a praticar algum esporte e, por qualquer razão, considerasse isto um desafio…
Num processo de consultoria, o consultor iria levantar o maior número de informações sobre o cliente em relação a sua vocação, através de seu passado na escola, nos clubes que freqüentou, etc. iria discutir com o cliente o resultado do levantamento e finalizaria o processo com uma recomendação, normalmente escrita como um manual e entregá-lo ao cliente. Além disso, algumas consultorias estão entrando na área de implantação e treinando o cliente, sempre de acordo com as técnicas de maior sucesso no mercado, para a realização do novo esporte .
Na psicoterapia , o terapeuta iria ouvir o cliente e buscar junto com ele (no passado e no inconsciente) os “por que?” do cliente. E através de técnicas psicanalíticas como interpretação, livre associação, transferência e contra-transferência o paciente irá conscientizar o que está impedindo a mudança .
No processo de coaching, o cliente irá verificar através de questionamento (formulários de auto-avaliação também são utilizados) quem o cliente é hoje, quais são seus valores e necessidades. Assim, o coach através de perguntas facilita a decisão Definido o esporte (o objetivo) e a estratégia (o como chegar lá) , o coach irá acompanhar todo o processo de aprendizado, apoiando e dando o suporte necessário para que a mudança de hábito realmente ocorra da forma mais fácil e consistente.
Acredito que todas as metodologias aqui descritas têm valor e são indicadas para diferentes casos, podendo mesmo ser contratadas simultaneamente. Assim, fica a pergunta:
– Neste momento, o que é melhor para você?

Uma das ferramentas no Coaching é a distinção. Distinguir semelhanças e diferenças clarifica propósitos e resultados.

Como estamos falando de prática, iremos considerar o seguinte exemplo: se o cliente quisesse começar a praticar algum esporte e, por qualquer razão, considerasse isto um desafio…

Num processo de consultoria, o consultor iria levantar o maior número de informações sobre o cliente em relação a sua vocação, através de seu passado na escola, nos clubes que freqüentou, etc. Iria discutir com o cliente o resultado do levantamento e finalizaria o processo com uma recomendação, normalmente escrita como um manual e entregá-lo ao cliente. Além disso, algumas consultorias estão entrando na área de implantação e treinando o cliente, sempre de acordo com as técnicas de maior sucesso no mercado, para a realização do novo esporte .

Na psicoterapia , o terapeuta iria ouvir o cliente e buscar junto com ele (no passado e no inconsciente) os “por que?” do cliente. E através de técnicas psicanalíticas como interpretação, livre associação, transferência e contra-transferência o paciente irá conscientizar o que está impedindo a mudança .

No processo de coaching, o cliente irá verificar através de questionamento (formulários de auto-avaliação também são utilizados) quem o cliente é hoje, quais são seus valores e necessidades. Assim, o coach através de perguntas facilita a decisão. Definido o esporte (o objetivo) e a estratégia (o como chegar lá) , o coach irá acompanhar todo o processo de aprendizado, apoiando e dando o suporte necessário para que a mudança de hábito realmente ocorra da forma mais fácil e consistente.

Acredito que todas as metodologias aqui descritas têm valor e são indicadas para diferentes casos, podendo mesmo ser contratadas simultaneamente. Assim, fica a pergunta:

Neste momento, o que é melhor para você?