Arquivo do mês: maio 2011

Modelo 7.2 – Análise Estratégica Swot

No Swot Estratégico, o Coaching trabalha com a comparação de dois ou mais cenários, no objetivo de determinar o melhor caminho para prosseguir em caminho de seu objetivo. a sua forma de ação é similar ao do Swot Pessoal, visto anteriormente aqui.  Para este processo, iremos utilizar a matriz abaixo:

Vamos agora determinar todos os fatores influentes de cada cenário:

Passo 1: Determine os pontos fortes de cada situação. Desenvolva uma lista com os benefícios e ganhos de cada item.

Passo 2: Determine os pontos fracos de cada situação. Desenvolva uma lista com as perdas e conseqüências de cada item.

Passo 3: Determine as oportunidades que cada cenário pode oferecer em um futuro próximo.

Passo 4: Determine as perdas e os riscos que cada cenário possui.

Após ter as listas prontas, realize o processo de análise de ambos os cenários de forma separada. Use as conclusões desta análise para determinar qual cenário é mais propicio para que você possa alcançar o seu objetivo final.

As perguntas abaixo poderão auxiliar no processo de analise:

1 – Colocando todos estes elementos em uma balança, qual você acha que apresenta uma melhor solução?

2 – Esta OK para você esta situação?Ou você tem algo que queira considerar e reformular adicionalmente nesta reflexão?

Qualquer dúvida na realização deste processo, entre em contato com nossa equipe atravez dos comentários que teremos muito prazer em auxiliar.

Swot estratégico – Download

Abraços e Sucesso Sempre.

Análise Swot – Passo a Passo:

Anúncios

Modelo 7.1 – Análise Swot Pessoal

Com o Swot Pessoal, o coaching procura trabalhar diretamente com o indivíduo, buscando informações a respeito de suas forças e fraquezas, de forma a melhorar oportunidades ou eliminar ameaças na busca de um objetivo. Para este processo, vamos utilizar o modelo padrão de Análise Swot, que segue abaixo (o mesmo se encontra disponível para download no final deste artigo)


É sempre bom relembrar, que o foco principal do Coaching é o desenvolvimento de capacidades e habilidades para o alcance de metas e objetivos. Para o uso deste processo, é importante que você tenha um objetivo em vista, e se este ainda não é o caso, reveja nosso modelo: Especificação de Objetivo. Vamos então aos passos do processo:

1º Passo: Estabeleça os seus pontos fortes: (Ambiente Interno)

Os pontos fortes estabelecidos nesta questão inicial devem lhe auxiliar a buscar seu objetivo. Devem ser forças que possam somar mais ferramentas para a realização das metas determinadas.

2º Passo: Estabeleça os seus pontos fracos: (Ambiente Interno)

Falar de pontos fracos pode não ser agradável a todas as pessoas. As vezes é difícil assumir certos aspectos de nossa vida, de aceitar e indicar que temos fraquezas. Mas somente pelo fato de reconhecer que temos fraquezas, e identificá-las, já é um grande passo para alcançar nossos objetivos. Neste caso em especial, devemos fazer uma lista com todas as fraquezas que podem atrapalhar o desenvolvimento de nosso objetivo.

3º Passo: Oportunidades: (Ambiente Externo)

Agora devemos listar todas as oportunidades que teremos ao realizar o objetivo em questão. Aumento de salário, Melhoria de Qualidade de Vida, Realização Pessoal entre outros. As vezes um curso de Inglês, pode nos dar a oportunidade de chegar a um cargo já há muito tempo desejado dentro da empresa, ou uma viajem para o exterior nos dar a oportunidade de conhecer novas culturas. è neste ponto que devemos encontrar o maior número possível de oportunidades que podem vir a aparecer na realização de nosso objetivo.

4º Passo: Ameaças: (Ambiente Externo)

E por fim, devemos listar todas as ameaças que possam impedir de que o objetivo em questão não seja alcançado. Usando ainda o exemplo do curso de Inglês, poderíamos citar como ameaças, o nosso comprometimento com o curso em si (de cada 100 pessoas que decidem fazer um curso de idiomas, cerca de 88 pessoas desistem no primeiro mês, por falta de comprometimento), o tempo, ou a escassez dele, poderia ser visto também como uma ameaça, e desta forma iremos montar uma lista com todas as ameaças que pudermos recordar.

Agora nós teremos em nossa matriz, 4 listas, referentes as nossas Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças. neste momento começa a análise, que consiste em analisar os elementos da matriz, buscando:

  • Potencializar nossas forças, de forma que se tornem melhores e possam auxiliar na busca de nosso objetivo;
  • Melhorar nossas fraquezas, de forma que não se tornem um empecilho na busca de nosso objetivo;
  • Acompanhar nossas oportunidades, para que possamos direcionar nosso objetivo em suas conquistas;
  • Eliminar as ameaças, fazendo com que as mesmas não possam atrapalhar no processo de realização do objetivo.

As questões abaixo poderão auxiliar no processo de análise?

– O que você concluiu deste quadro? O que você pode aprender com esta análise?

– O que você poderia melhorar ou desenvolver para aproveitar melhor as oportunidades e diminuir as possíveis ameaças?

Swot Pessoal – Download

Espero que este processo tenha sido bem compreendido, e qualquer dúvida em sua realização, entre em contato pelos comentários que teremos um imenso prazer em ajudar.

Abraços e Sucesso Sempre…

Análise Swot – Passo a Passo:

Modelo 7 – Introdução – Análise Swot

Vamos iniciar mais um dos modelos utilizados para a prática do Coaching Online. Este modelo será dividido em duas partes, a primeira tratando do Swot Pessoal, e a segunda, do Swot para múltiplos cenários.

Nesta introdução, vamos conhecer um pouco mais sobre a ferramenta Swot:

A Análise SWOT [em que o termo SWOT é uma sigla inglesa para Forças ou Pontos Fortes (Strengths), Fraquezas ou Pontos Fracos (Weaknesses), Oportunidades (Opportunities) e Ameaças (Threats)], cuja criação é atribuída a Kenneth Andrews e Roland Christensen, dois professores da Harvard Business School, consiste num modelo de avaliação da posição competitiva de um indivíduo ou companhia no mercado. Essa avaliação da posição competitiva é efetuada através do recurso de uma matriz de dois eixos (o eixo das variáveis internas e o eixo das variáveis externas), cada um dos quais composto por duas variáveis: pontos fortes (Strenghts) e pontos fracos (Weaknesses) da organização ou indivíduo; oportunidades (Opportunities) e ameaças (Threats) do meio envolvente.

Ao construir a matriz a variáveis são sobrepostas, facilitando a sua análise e a procura de sugestões para a tomada de decisões, sendo uma ferramenta imprescindível na formação de Planos de Negócio e na definição de Estratégias e Realização de Metas.

Abaixo podemos ver a representação gráfica da matriz, com as sugestões genéricas para cada um dos quadrantes que a compõem.


Para a construção da matriz são necessárias dois tipos de análises: por um lado uma análise interna e por outro uma análise externa. No caso da análise interna, esta permite identificar aspectos em que a organização ou indivíduo apresenta pontos fortes e aspectos em que apresenta pontos fracos relativamente aos seus concorrentes. Quanto à análise externa, esta consiste numa avaliação da envolvente da organização ou do indivíduo de forma a identificar oportunidades e ameaças com que este se depara ou possa vir a deparar. Qualquer uma destas análise deverá ser efetuada não apenas numa perspectiva estática, mas também numa perspectiva dinâmica e permanente.

Análise Swot – Passo a Passo:

Modelo 6 – Dream List (A lista dos sonhos)

Vamos começar este processo com uma pesquisa já muito conhecida de muitos que buscam informações sobre a realização de objetivos:

Estudos e pesquisas comprovam que pessoas que tem metas avançam na vida, enquanto as que não tem estacionam na vida, porém, as que tem metas escritas atingem seus objetivos com muito mais velocidade do que as que não tem. Um estudo científico realizado na universidade norte-americana de Yale, datado de 1953. O resultado é motivador, surpreendente e deixa clara a importância do ser humano ser orientado por uma META. Um grupo de alunos graduados foi entrevistado e respondeu se tinha suas metas claras e anotadas, com um plano para atingi-las. Pasmem! Só 3% (três por cento) tinham tais metas anotadas e planejadas. O estudo prossegue e, vinte anos mais tarde, em 1973, os pesquisadores voltaram e entrevistaram os membros da turma dos graduados de 1953. Prepare o seu coração para o resultado. Descobriram que os salários dos 3% que tinham suas metas há vinte anos atrás somavam mais do que os salários dos 97% que não tinham suas metas anotadas. Além dos salários incrivelmente superiores, o nível de felicidade que os graduados sentiam também era superior nos 3% que tinham as metas escritas. Esse é o Poder das METAS. Uma meta clara e arrojada pode transformar a vidas das pessoas.

Este é um pequeno exemplo de que escrever nossas metas é um fator determinante na realização de nossos objetivos. Hoje estamos cercados de listas, as quais damos talvez mais importância que o devido: Listas de Mercado, Listas de Presentes, Listas de Convidados, Porque então, não tirar um tempo para que possamos formular nossa Lista de Sonhos?

Este é um processo bem simples. Em uma folha de papel em branco (segue modelo no final deste artigo) descreva uma lista de Sonhos, Desejos, Metas, Objetivos e Planos. Exemplo:

  • – Comprar um Carro Novo
  • – Fazer uma Faculdade / Pós Graduação / Doutorado
  • – Comprar uma Casa
  • – Viajar para o Exterior
  • – Comprar um Barco / Lancha
  • – Fazer um curso de Línguas Estrangeiras
  • – Montar um Negócio Próprio
  • – Fazer um curso de Teatro
  • – Parar de Fumar
  • – Emagrecer 10 quilos

Esta é uma lista pequena de exemplo, mas envolve muito de nossos desejos e sonhos.

Agora vamos categorizar nossos objetivos, seguindo o padrão abaixo:

  • Categorias: PE: Pessoal – PR: Profissional – RE: Relacionamentos – QV: Qualidade de Vida
  • Sub-Categorias: SA: Saúde – IN: Intelectual – EM: Emocional – FI: Finanças – CO: Contribuição – RE: Realização – FA: Familia – AM: Amor – SO: Social – LA – Lazer – ES: Espiritual
  • Prazos: CP: Curto Prazo (1 a 3 anos) – MP: Médio Prazo (3 a 5 anos) – LP: Longo Prazo (5 a 20 anos)

Vamos ver como ficaria nosso exemplo:

  • – Comprar um Carro Novo (PE – FA – CP) Escolhi como família, pois no nosso exemplo o carro é para a família.
  • – Fazer uma Faculdade / Pós Graduação / Doutorado (PR – IN – CP)
  • – Comprar uma Casa (QV – FA – MP)
  • – Viajar para o Exterior (PE – RE – CP)
  • – Comprar um Barco / Lancha (PE – LA – MP)
  • – Fazer um curso de Línguas Estrangeiras (PR – IN – CP)
  • – Montar um Negócio Próprio (PR – QV – MP)
  • – Fazer um curso de Teatro (PE – LA – CP)
  • – Parar de Fumar (QV – SA – CP)
  • – Emagrecer 10 quilos (QV – SA – CP)

Você deve guardar esta lista com você, na carteira, em um quadro no seu escritório, em um lugar que seja sempre visível e de fácil acesso. Ter contato com esta lista diariamente, lhe dará motivos para lutar pelos seus objetos, e desta forma, realizá-los. Quando iniciar um processo de coaching para a realização de seus objetivos, você já terá em mãos quais são eles, e quando você pretende realizar, o que vai facilitar em muito o processo geral.

Dream List – Download

Espero que tenham gostado deste processo, e que seja de auxilio para que todos possam realizar suas metas. Qualquer dúvida, entrem em contato através de nossos comentários. teremos prazer em lhe ajudar a realizar seus sonhos.

Abraços e Sucesso Sempre…

Modelo 5 – Administração do Tempo

Já falamos muito a respeito da Administração de Tempo em nosso espaço, e hoje, vamos formalizar o 5º modelo de Coaching online, onde o foco principal é aplicar as ferramentas de coaching para uma melhor administração de nosso tempo. Para iniciar este Modelo, cito uma frase muito famosa:

Todas as pessoas possuem as mesmas 24 horas, a diferença entre elas, é o que cada uma faz de suas horas.

Infelizmente não me lembro o autor desta frase, então se alguém souber aceito auxilio pelos comentários. Bem, sem mais delongas, vamos ao processo de hoje.

É importante frisar antes de iniciar este processo, que todo processo de coaching tem como base buscar soluções para a realização de objetivos e metas. Então, antes de iniciarmos, é importante ter um objetivo já bem determinado em mente, que foi o processo aprendido no Modelo 1, desta mesma série de modelos online.

Com o objetivo já em mente, vamos aprender em como organizar nossa agenda, deforma a deixar nossa agenda o mais concreto possível para a realização de nossas metas.

Vamos buscar um exemplo bem simples para este processo: Uma viagem para o Exterior. Meu Objetivo é realizar uma viagem para a Alemanha, onde poderei realizar um curso de aperfeiçoamento em designer industrial, já que lá tem grandes escolas nesta área.

Objetivo: Viajar para a Alemanha para Estudar.

Passo 1: Identifique as ações necessárias para a realização de seu objetivo:

  • Que ações são necessárias para transformar seu sonho em realidade?
  • O que você pode faze e que, se fizer bem feito, fará uma grande diferença para a realização de seu objetivo?
  • Ação 1: Frequentar um curso de alemão
  • Ação 2: Realizar uma pesquisa de mercado para preços de passagens
  • Ação 3: Verificar a necessidade e providenciar Vistos de Estudante

Passo 2: Avaliar as atividades diárias:

  • Como você descreveria sua agenda diária?
  • Descreva sua rotina: (Este é o passo mais importante. Tente descrever sua rotina de forma completa)
  • De segunda a Sexta Feira
  • 7:30 – Acordar
  • 7:40 – Tomar banho e café da manhã
  • 7:50 – Sair para faculdade de Publicidade
  • 8:30 – Chegar na faculdade
  • 12:00 – Sair da faculdade
  • 12:20 – Almoçar
  • 13:00 – Estágio de 4 horas em uma agencia de Publicidade
  • 17:00 – Fim do estágio
  • 17:30 – (Segunda, Quarta e Sexta) – Academia | (Terça e Quinta) Tempo Livre para trabalhos de Faculdade e assuntos pessoais
  • 19:30 – Sair da academia
  • 20:00 – Chegar em casa (banho – jantar)
  • 21:00 – Trabalhos de faculdade
  • 22:00 – Dormir
  • Sábados e Domingos
  • 9:00 – Acordar
  • 10:00 – Cuidar de assuntos pessoais e domésticos
  • 12:00 – Almoçar
  • 13:00 – Trabalhos de faculdade
  • 18:00 – Passeio com amigos
  • Sem horário fixo para dormir

Esta é uma rotina bem comum, sem muitos detalhes. Mas quanto mais você detalhar seus dias, de forma individual, será melhor para a realização deste processo.

Passo 3: Analisar ABCDE

Esta é uma análise de nossas atividades diárias. Abaixo segue a classificação de cada item:

A: Alto Impacto – Grande Importância com consequências altamente positivas para o ponto de vista de nosso objetivo.

  • Quais são suas atividades diárias que lhe trazem grandes resultados para sua vida como um todo? (Principio de Pareto 80/20)

B: Médio Impacto – Possui importância, e se não realizadas trazem poucas consequências.

  • Quais tarefas são importantes ou urgentes, mas possuem pouca influência para a realização de seu objetivo? (Usualmente trazem consequências para outras pessoas).

C: Baixo Impacto – Seria bom, mas com pouca consequência.

  • Quais tarefas não possuem importância, não são urgentes e com poucas consequências imediatas para a realização de seu objetivo?

D: Delegáveis – Quais tarefas você poderia delegar para outras pessoas?

E: Elimináveis – Onde você acha que desperdiça seu tempo?

  • O que você faz em sua vida que lhe trás conforto, mas não tem nenhum impacto na realização de seu objetivo?

Esta é a parte mais demorada do processo, pois vamos esmiuçar nossas atividades e ver o que pode ser produtivo ou não em vista de nosso objetivo.

Vejamos como ficaria nosso exemplo:

  • Faculdade e Estágio: A
  • Trabalhos de Faculdade Terça e Quinta: B
  • Academia: C
  • Assuntos Domésticos: D
  • Trabalhos de Faculdade (Segunda – Quarta – Sexta – Sábado) – E

São exemplos simples, em uma análise mais detalhada, teríamos mais exemplos.

Passo 4: Reorganizar a Agenda:

  • Como você pode se reorganizar para utilizar melhor o seu tempo e atuar em direção do seu sonho/objetivo?

Esta é a pergunta chave deste processo. Reorganizar a agenda de forma a alcançar nossos objetivos. Partindo de nosso exemplo, vamos ver como isso poderia ser feito:

  • Curso de Alemão: Utilizar as noites de Terça e Quinta para me matricular em um curso de alemão intensivo, com até 4 horas de duração diária
  • Preços de Passagens e Pacotes de Viagem: Utilizar tempo livre aos sábados de manhã para fazer as pesquisas necessárias
  • Visto para Alemanha: Utilizar tempo livre no computador para pesquisar sobre a necessidade de visto e como obter o mesmo.

Este processo é muito importante para que possamos chegar aos nossos objetivos. Caso precise de maiores informações, entre em contato pelos comentários para que possamos auxiliá-lo durante a realização do mesmo.

Administração do Tempo – Download

Agradeço a participação e atenção de todos meus leitores, e desejo a todos muito sucesso.

Abraços e Até a Próxima.

Obrigado, Edson Gomes!

Este texto, recebi como resposta a um contato com um amigo da rede, o Sr. Edson Gomes. Ele fez uma pequena dissertação a respeito de uma de minhas frases final de e-mail. e com a sua devida autorização, gostaria de compartilhar este maravilhoso apanhado de palavras:

“VIVA CADA DIA DE SUA VIDA COMO SE FOSSE O SEU ULTIMO DIA, PODES NÃO TER UM AMANHÃ PARA SE LEMBRA DISSO”

Não resisti e tenho que emitir minhas considerações

Viver o meu dia como se fosse o último, pode me trazer algumas situações inusitadas,  para ao bem e para o mal… por exemplo:

– Se eu agir hoje como sendo o último dia, cantarei a vizinha, casada, mas gostosa, linda. Não posso achar que vou partir e não me revelar para ela;
– Direi para o meu chefe que ele é inconsistente, desinformado, grosseiro, petulante. Poxa como vou ter a impessão de que não mais estarei por aki e me furtar de dizer para aquele prepotente  tudo que penso a seus respeito.
– Terei que arrumar um tempo no meu presumivel ultimo dia para acabar de ler o livro, NOTAS DO SUBTERRÃNEO, de Dostoievski que faltam 50 páginas. Como possa julgar que vou embora sem saber como termina essa obra prima do escritor russo
– Ah! e tenho que ter tempo também nesse “quem sabe último dia” para passar um e-mail para o jornalista Arthur Dapieve e dizer pra ele em letras garrafais e mal humoradas que o livro que ele escreveu transcrevendo uma entrevista dele com os notáveis Zuenir Ventura e Luís Fernando Veríssimo, intitulado CONVERSAS SOBRE O TEMPO, é uma babaquice. Parece mais uma biografia onde tudo que os biografados dizem não tem a menor relevância. E lembrar a ele que biografia de gente viva não dá certo, ainda mais se o biografado participa da redação do texto.
– E mais, correr ao banco e pegar algum por conta do cheque especial, pois devo ao um grande amigo e não é justo achar que vou partir e deixá-lo sem receber. Como presumivelmente não estarei aqui, que se exploda o banco.
– E outra, ligar pra uma cliente que vem  me ocupando para comprar um apartamento. Já lhe mostrei uns 10 e ela não se resolve Tá sempre na dúvida, indecisa. Quando ela atender o fone e perguntar o endereço do novo apartamento que iremos ver, eu responderei: SÓ LIGUEI PRA DIZER QUE A SENHORA É UMA CHATA. e rapidamente desligar, não sem antes dar uma sonora risada. Não vejo nenhum sentido em supor que vou pro andar de cima sem desopilar o fígado com essa questão que se arrasta há meses.
– E importantíssimo, tenho que terminar esse e-mail rapidamente, pois se não não dará tempo de visitar os sites que vc me indicou para o meu apefeiçoamento profissional quero fazer isso agora.. o dia tá acabando e VAI QUE…

Por ora é o que me lembro de fazer antes que tudo se acabe.. Mas como não acho que  estou vivendo meu ultimo dia, amanhã
abrirei minha caixa de e-mail para ler sua resposta.

Abraços do vivente que tem pensamento positivíssimo que esse é apenas mais um dos milhares de dia que ainda viverei.

Edson Gomes

Este foi um e-mail de feed-back que realmente me alegrou muito. Mostra a essencia do escolher como importante em sua vida, e colocar suas metas e objetivos num plano mais acessivel, em que possam ser realizados.

Abraços ao meu amigo Edson, e agradeço pela autorização de divulgar este e-mail.

Abraços a Todos e Sucesso Sempre…